Biblioteca de Artigos Científicos

Seja bem vindo ao acervo de artigos da Fontoura Editora

HOMEPAGE MISSÃO COMISSÃO EDITORIAL NORMAS DE PUBLICAÇÃO CONTATO

ESPORTE PARALÍMPICO BRASILEIRO: INVESTIGAÇÃO DAS INTERAÇÕES SOCIAIS E FATORES MOTIVACIONAIS DOS TREINADORES DE ATLETISMO

Para baixar o artigo clique aqui

Autor(es)

Andressa Ribeiro Contreira, Nayara Malheiros Caruzzo, Marcelen Lopes Ribas, Igor Fabricio dos Santos Oliveira, Lenamar Fiorese.

Resumo

O objetivo do estudo foi analisar o RTA e aspectos motivacionais na perspectiva dos treinadores brasileiros de atletismo paralímpico. Fizeram parte da pesquisa 74 treinadores, de ambos os sexos, vinculados ao Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), inscritos no Circuito Brasileiro de Para Atletismo Loterias Caixa 2019. Os instrumentos utilizados foram Ficha de identificação, Questionário de Relacionamento Treinador-Atleta (CART-Q versão treinador), Escala da Paixão e Escala de Satisfação das Necessidades Básicas no Esporte (BNSSS). Para a análise dos dados foi utilizada estatística descritiva e os testes U de Mann Whitney, Friedman, Wilcoxon e coeficiente de correlação de Spearman, adotando-se p<0,05. Os resultados demonstraram que para o RTA houve diferença significativa entre as dimensões Proximidade e Comprometimento (p=0,017), com predomínio da dimensão Proximidade (Md=7,00). Para as dimensões das NPB, houveram diferenças significativas entre as dimensões (p=0,029) com predomínio da Autonomia (Md=6,60) sobre a Competência (Md=6,50). Os resultados indicaram predominância (p=0,001) da internalização da paixão harmoniosa (Md=6,20) na identidade dos treinadores. A paixão harmoniosa apresentou correlação significativa e positiva (p<0,05) com todas as dimensões das NPB (0,408

Palavras-chave: Esporte paralímpico. Motivação. Interações sociais. Treinadores. Atletismo.

Abstract

We aim to analyze the CAR and motivational aspects on paralympic athletics brazilian coach’s perspective. Seventy-four adult coachs of both sexes, linked to the Brazilian Paralympic Committe, those who participate of the Brazilian Tournament Paralympic Loterias Caixa 2019 were assessed. As instrument, we used a sociodemographic form, the Coach-Athlete Relationship Questionaire (Cart-Q coach version), Passion Scale and Basic Needs Satisfaction in Sport Scale (BNSSS). To analyze the data, we used descriptive statistic, Mann Whitney U, Friedman, Wilcoxon and Spearman correlation coeficient (p<0,05). The results showed that for CAR there was a significant difference between the dimensions Proximity and Commitment (p = 0.017), with a predominance of the dimension Proximity (Md = 7.00). There were significant differences between the BNS dimensions (p = 0.029) with a predominance of Autonomy (Md = 6.60) over Competence (Md = 6.50). The results indicated a predominance (p = 0.001) of the internalization of harmonious passion (Md = 6.20) in the identity of the coaches. Harmonious passion showed a significant and positive correlation (p <0.05) with all dimensions of BNS (0.408

Keywords: Paralympic Sport. Motivation. Social interactions. Coach. Athletics.