Biblioteca de Artigos Científicos

Seja bem vindo ao acervo de artigos da Fontoura Editora

HOMEPAGE MISSÃO COMISSÃO EDITORIAL NORMAS DE PUBLICAÇÃO CONTATO

DANOS MUSCULARES E RESPOSTAS HORMONAIS PROVOCADAS PELO TREINAMENTO TENSIONAL E METABÓLICO: UM ESTUDO DE CASO

Para baixar o artigo clique aqui

Autor(es)

Rômulo José Dantas Medeiros, Rossini Freire de Araújo, Gilmário Ricarte Batista, José Alfredo Dias Pinto Júnior, Maria do Socorro Cirilo de Sousa.

Resumo

Introdução: Atualmente discussões vêm sendo realizadas com o intuito de se estabelecer qual o tipo de treinamento que melhor promove ganhos em hipertrofia muscular, encontrando-se estudos evidenciando superioridade, inferioridade e eficácia semelhantes entre eles. Objetivo: o objetivo desse estudo foi comparar a eficácia para provocar hipertrofia via mecanismo do dano muscular e ação hormonal de dois programas de treinamento, o primeiro caracterizado por stress tensional (TTEN) e o segundo metabólico (TMET). Metodologia: A pesquisa caracteriza-se como descritiva, quantitativa e transversal e foi realizada com um indivíduo do sexo masculino, sedentário, 22 anos de idade e IMC 21,9. Duas sessões de treinamento foram realizadas, uma de caráter tensional (velocidade de execução 2020; 8 a 12 repetições máximas; 2 minutos de intervalo entre as séries) e outra metabólico (velocidade de execução 2020; 15 a 20 repetições máximas; 30 segundos de intervalo entre as séries), com um intervalo de 192h de uma para outra, utilizando-se dos seguintes exercícios: Supino Plano, Pulley Alto Costas, Levantamento Lateral com Halteres, Rosca Bíceps, Tríceps Pulley, Leg Press Baixo, Cadeira Flexora e Panturrilheira. As coletas sanguíneas realizaram-se antes de dar início aos treinos (TTEN e TMET), 1h e 24h após o término das sessões, para análise de ambos os marcadores, testosterona total e creatinoquinase (CK), respectivamente. Resultados: Os resultados encontrados mostram que o TMET provocou maiores danos à musculatura (CK TTEN = 122/121; CK TMET = 88/120), como também, promoveu uma redução nos níveis sangüíneos de testosterona total (TTEN = 414/414; TMET = 494/350). Conclusão: Conclui-se que ambos os métodos podem ser utilizados no treinamento de indivíduos que visam obter hipertrofia muscular, devido aos mesmos terem apresentados resultados similares, no entanto, recomenda-se o mesmo tema seja realizado com uma maior amostra para que os dados aqui encontrados sejam confirmados.

Palavras-chave: Treinamento Tensional, Treinamento Metabólico, CK e Testosterona.

Abstract

Introduction: Actually discussion have being realized with objective to establishing which the training type caused better promotes profits in muscular hypertrophy, founded studies demonstrating superiority, inferiority and similar efficacy.  Objective: this study aimed to compared the efficiency to provoked muscle hypertrophy through muscle damage and hormonal action mechanism of two training programs, the first characterized by tensional stress (TTEN) and second metabolic (TMET). Methodology: The research characterized as descriptive, quantitative and transversal and was realized with one male individual, sedentary, 22 years old and with corporal index mass (IMC) 21,9. Two sessions of training were realized, the first characterized as tensionl (execution speed 2020; 8 a 12 maximum repetition; 2 minutes of rest between the sets) and another metabolic (execution speed 2020; 15 a 20 maximum repetition; 30 seconds of rest between the sets). The sessions were realized with a interval of 192h, and utilized the exercises bench press, wide-grip pulldown, lateral raise with dumbbells, lower leg press, sit flex and barbell seated calf raise. The material blood was collection before the training (TTEN and TMET), 1h and 24h after the sessions, to analyze the level blood of both markers, total testosterone and creatine kinase (CK), respectively. Results:  The results showed that TMET caused larger damage muscle (CK TTEN = 122/121; CK TMET = 88/120), and provoked a reduction in the total testosterone blood levels (TTEN = 414/414; TMET = 494/350). Conclusion: Both methods cam be utilized in the trainings of individuals that objective muscle hypertrophy, because them caused similar results. However, more studies must be realized with more people through so that these results are confirmed.

Key-words: Tensional training, metabolic training, CK and testosterone.